Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Parque dos Príncipes

Espaço dedicado à cobertura do Campeonato Europeu de Futebol de Selecções a decorrer em França de entre 10 de Junho e 10 de Julho

Parque dos Príncipes

Espaço dedicado à cobertura do Campeonato Europeu de Futebol de Selecções a decorrer em França de entre 10 de Junho e 10 de Julho

21
Jun16

República Checa 0 - 2 Turquia: Mor Ressuscita a Turquia


J.G.

541961358.jpg

 

Uma das partes mais divertidas destes projectos é quando tentamos adivinhar o que vai acontecer na competição com base naquilo que sabemos e lemos sobre as selecções. No caso da Turquia tivemos oportunidade de destacar como possível revelação um miúdo que era um segredo mal guardado a jogar numa improvável liga escandinava. Emre Mor, encantou no Nordsjælland da Dinamarca, e podia explodira a qualquer momento neste europeu. Quis a fraca prestação da Turquia até aqui que o imperador Fatih mexesse na equipa e promovesse algumas alterações. O destaque vai para o "21" que encheu o campo com uma exibição que confirma a boa compra do Borussia de Dortmund. 

Foi Mor que fugiu pela direita e serviu na perfeição Yilmaz, o lendário avançado turco tornou-se o primeiro jogador da liga chinesa a marcar num Euro.

 

Era de esperar um jogo favorável à Republica Checa. As contas eram favoráveis à equipa de Vrba que tinha aqui a grande oportunidade de se assumir como um dos países apurados depois de só terem perdido pela margem mínima com Espanha e de terem recuperado de um 0-2 para um empate na batalha com os croatas. Notou-se a falta do lesionado Rosický mas não serve de justificação para tão grande apagão depois de uma entrada positiva na partida. Os checos não estavam à espera de uma resposta tão orgulhosa dos turcos e nunca conseguiram assumir totalmente o jogo e o favoritismo. Por falar em revelações, também tenhamos adiantado que o lateral direito Kadeřábek iria ter um papel importante e confirmou-se. Pode sonhar com voos mais altos que o Hoffenheim. Foi um dos pontos positivos desta Republica Checa que acabou por ser uma das grandes decepções do torneio ao sair de cena com a sua pior prestação de sempre em Euros!

 

Os turcos passaram de um ambiente péssimo, com os próprios adeptos a assobiarem Arda Turam, para um clima de euforia nas bancadas a empurrar a sua equipa para uma vitória que igualou o maior triunfo em Europeus, 2-0. Foi Tufan quem fez o último golo, repetindo o resultado entre estes países na fase de qualificação. 

Fica a boa imagem dos turcos no último jogo, a certeza de que nasceu uma estrela que vai dar muito que falar, Emre Mor, e fica a esperança que Portugal e a Islândia percam ou que Suécia e Republica da Irlanda não vençam, para continuar a haver Turquia em prova.

Com este resultado é caso para dizer: Will Grigg's on Fire! A Irlanda do Norte está apurada para os 1/8 de final. Finalmente, chegou emoção ao Euro de França através do fecho deste grupo D.

 

Melhor em Campo: Emre Mor