Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Parque dos Príncipes

Espaço dedicado à cobertura do Campeonato Europeu de Futebol de Selecções a decorrer em França de entre 10 de Junho e 10 de Julho

Parque dos Príncipes

Espaço dedicado à cobertura do Campeonato Europeu de Futebol de Selecções a decorrer em França de entre 10 de Junho e 10 de Julho

20
Jun16

Inglaterra 0 - 0 Eslováquia: Resistência Eslovaca


J.G.

541821846.jpg

 

Hodgson ameaçou uma revolução no onze e cumpriu. Entraram Clyne, Bertrand, Henderson, Wilshere, Sturridge e Vardy, para o lugar a Walker, Rose, Alli, Rooney, Sterling e Kane. 

No lado eslovaco a aposta foi para a base da equipa que venceu a Russia.

 

Muito bom jogo dos ingleses nos primeiros minutos da primeira parte, dinâmica muito interessante, futebol ofensivo e criativo a colocar a defesa liderada por Skrtel em respeito desde o começo. A tendência do jogo foi sempre em direcção à baliza de Kozacik, um dos principais culpados pela falta de golo nesta partida.

Apesar dos bons sinais ingleses, o ritmo baixou e a Eslováquia conseguiu procurar o seu ponto de referência atacante, Hamsik, tentando contrariar o sentido único do jogo. Num desentendimento entre Smalling e Hart, os eslovacos sonharam mas tudo ficou resolvido pelo guardião do Manchester City.

 

Na 2º parte mais intensidade no ataque inglês e as equipas adaptaram-se ao contexto pontual que era favorável à Eslováquia no sentido em que podia esperar um apuramento no 3º lugar com 4 pontos. Isto porque o País de Gales despachava sem dificuldade a decepção do grupo, a Rússia.

Assim, sobrava aos ingleses a hipóteses de ganhar este jogo para ficarem mais confortavelmente no 1º lugar do grupo. Mas mesmo com as entradas de Alli, Rooney e Kane, a muralha eslovaca não cedia. Foi uma verdadeira prova de resistência dos estreantes no Europeu que aguentaram até ao fim o precioso ponto que os faz sonhar com a passagem à próxima fase.

 

Do lado inglês fica o sabor amargo e um pouco injusto de um empate num jogo em que mostraram argumentos e qualidade para um melhor resultado. O apuramento está garantido e agora Hodgson terá que escolher os 11 com quer começar os jogos a eliminar.

 

Melhor em Campo: Henderson